ENSINO DE MATEMÁTICA: ALUNOS COM DEFICIÊNCIA VISUAL INCLUINDO ALUNOS VIDENTES

##plugins.themes.academic_pro.article.main##

Me. Tayná Maria Amorim Monteiro Xavier
Dra. Zélia Maria de Arruda Santiago
Dr. Eduardo Gomes Onofre

Resumen

Esta pesquisa analisa a influência do conteúdo matemático “Plano Cartesiano” adaptado ao jogo
“Batalha Naval” na aprendizagem de alunos com deficiência visual no 2º ano do Ensino Médio em
uma Escola Pública brasileira, verificando seu desempenho escolar em situações de ensino com
alunos videntes. Por meio da abordagem qualitativa focada em um estudo de caso a pesquisa
envolveu entrevista semiestruturada com professor e alunos, adaptação do conteúdo matemático ao
jogo “Batalha Naval” e sua aplicação aos alunos com deficiência visual com apreciação avaliativa,
seguindo a etapa do planejamento das aulas ministradas por aqueles alunos aos alunos videntes
em sala de aula. Os resultados permitiram verificar que a aprendizagem do conteúdo com aplicação
do jogo tanto com alunos com deficiência visual quanto com os alunos videntes foram satisfatórios.
No entanto, observou-se que, apesar desta experiência vivenciada pelos alunos com deficiência
visual, a maioria destes não se sentem incluídos no ambiente escolar. Esta pesquisa revela a
necessidade de os professores e os alunos ampliarem atividades inclusivas com materiais didáticos
acessíveis ao ensino simultâneo com alunos videntes e alunos com deficiência visual.

##plugins.themes.academic_pro.article.details##