PROPOSIÇÃO DE UM MODELO DE COLABORAÇÃO EM REDE DE NEGÓCIOS PARA A TRANSIÇÃO SUSTENTÁVEL DA MATRIZ DE ENERGIA ELÉTRICA

##plugins.themes.academic_pro.article.main##

Dra. Ana Rita Pinheiro de Freitas
Dra. Mônica Cavalcanti Sá de Abreu

Resumen

O artigo propõe um modelo de colaboração em redes de negócios capaz de lidar com tensões
paradoxais na transição sustentável da matriz de energia elétrica. Uma estrutura colaborativa
baseada em rede é apresentada como uma maneira de melhorar a capacidade de lidar com as
tensões paradoxais que emergem no desenvolvimento de sistemas adaptativos complexos.
Diferentes atores, como representantes do governo local, concessionárias de energia elétrica,
empresas de geração de energia (termoelétrica, eólica e solar) e fornecedores, enfrentam tensões
paradoxais relacionadas com a orientação de curto e longo prazo, perspectiva de estabilidade versus
mudança e agenda individual versus coletiva. O modelo contribui com a literatura de transição para
a sustentabilidade no sentido de reconhecer tensões paradoxais em seu caminho e por utilizar a
teoria das redes de negócios e uma visão integrativa de sistemas para lidar com os paradoxos
existentes

##plugins.themes.academic_pro.article.details##